Aprendendo

O problema com as crianças hoje é que elas não ficam entediadas

O problema com as crianças hoje é que elas não ficam entediadas


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Hoje, a maioria das crianças é superprotegida, superestimulada e não criadora. O motivo? O problema com as crianças hoje é que elas não ficam entediadasÉ por isso que é importante que os pais deixem espaço para o tédio e que não intervenhamos de forma alguma. Somente assim eles buscarão coisas novas para preencher essa lacuna e despertar sua curiosidade.

Ele tédio É uma emoção que tem duas faces e que, dependendo do local onde ocorre, pode ser algo negativo ou, ao contrário, tornar-se uma proposta de crescimento para quem a vivencia, no caso as crianças.

Por um lado, o tédio na sala de aula é a emoção que menos melhora a aprendizagem porque deixa o aluno desmotivado e desconectado de tudo; é como se o cérebro dissesse 'lá fora, isso não me interessa nada'. Então, nada do que eles estão explicando chega naquele momento, a mente o rejeita automaticamente.

Fora da sala de aula, por outro lado, é uma emoção maravilhosa que, embora a princípio possa ser desagradável, a pessoa que a vivencia percebe que sente falta de interesse pelo que está fazendo, que não encontra nenhum incentivo e, consequentemente, ele 'força você a ativar'.

O tédio é um sinal de alertaOu seja, quando uma pessoa diz 'o que estou fazendo me entedia', rapidamente procura outra coisa, por isso os psicólogos dizem que o tédio nas crianças impulsiona a criatividade e que os pais não devem evitar passar por essa emoção, porque pode ser muito benéfico para eles.

O tédio é uma emoção que provoca pensamentos, porque faz a gente entrar e se perguntar: 'O que eu faço? Que faço?'. A partir dessa pergunta surgem coisas novas, dá origem à inovação e por isso é muito importante que as crianças fiquem entediadas, embora ultimamente isso não pareça ser a tendência.

As crianças de hoje estão sobrecarregadas de atividades, então não há espaço para o tédio. Desde pequenos habituaram-se a receber muitos estímulos e pode-se dizer que vivem hiperestimulados. Não estão acostumados a esperar, não estão acostumados a ficar entediados, não estão acostumados a fazer uma pausa em momentos de inatividade e, claro, não estão acostumados a refletir.

Eles ficam entediados quando precisam fazer um pouco de esforço, como virar as páginas de um livro (é mais rápido pressionar o dedo no tablet), ou quando precisam encontrar uma maneira de preencher o tempo. É por isso que nós, como pais, não devemos cobrir esse tempo para eles. Devemos incentivá-los a pensar para que possam ser mais criativos.

Begoña Ibarrola é psicóloga, mas também contista. Nesta ocasião, o autor recomenda 'The Mysterious Package' (Editado por Desclée de Brouwer, ilustrado por Rocío Martínez). O tema principal do livro é surpresa, mas o início é o tédio.

Martina gosta de praticar esportes, principalmente skate, mas é imprudente e quebra a perna ao praticar sua atividade física favorita. Essa situação de imobilidade lhe causa um tédio extremo, pois ele tem que ficar em casa e não pode sair.

Até que um dia algo inesperado acontece: ele recebe um pacote em seu nome com um livro e um objeto estranho. A partir desse momento ele descobre o prazer da leitura e experimenta inúmeras surpresas, algumas agradáveis ​​e outras nem tanto, e se despede do tédio para sempre.

Você também quer viver as aventuras da Martina? Você quer sair do tédio e entrar em um novo mundo? A leitura pode ser uma excelente ferramenta para isso, pois levará crianças (e adultos também) a mundos maravilhosos que até agora eram inatingíveis.

São as crianças que precisam aprender a ter recursos para sair dessa situação de tédioMas se os notarmos um pouco desorientados, podemos sentar-nos com eles e ajudá-los a fazer uma lista de coisas a fazer quando ficarem entediados, ou melhor, estratégias anti-tédio. Aqui estão algumas idéias!

1 - Leia um livro
E é isso como acontece com o protagonista de 'Um pacote misterioso', a leitura é uma porta aberta para a imaginação.

2 - Pegar o quarto ou brinquedos
Sim, pode parecer um pouco chato no início, mas tenho certeza que na busca pela ordem a criança encontrará brinquedos aos quais poderá dar uma segunda vida.

3 - Cozinhando em família
Se a criança é muito pequena, não lhe convém entrar no fogão, mas para quem tem mais de 10 anos a cozinha passa a ser um local de criatividade. O que seu filho pode fazer com ingredientes fáceis, como uma lata de atum? Se você pensar bem, muitas coisas!

4 - Escreva uma história ou faça um desenho
Diga a ele para pegar um pedaço de papel em branco e uma caneta ou caixa de tintas e escrever o que sair. Pode ser um desenho ou, talvez, uma bela história inspirada na história de Martina.

5 - Aprenda uma poesia
Se mantivermos nossas mentes ativas, o tédio desaparecerá! Tente memorizar este poema:

Eles colocaram óculos para ver

e pulando para a escola,

feliz, pulando.

Você vê as letras com os óculos?

- O professor pergunta a ele -

e o coelho respondeu:

Eu vejo muito melhor agora!

6 - Faça artesanato
Atividades com caixas de papelão, com copinhos de ovo, com palitos de sorvete ou com rolos de papel higiênico ... Qualquer material reciclável é perfeito para fazer um foguete, um carro de bombeiros ou um instrumento musical.

7 - Crie uma coreografia
A dança é um tipo de exercício que pode ajudar crianças e adultos a relaxar, desestressar e ver a vida de forma diferente, e nos dá doses extras de energia e alegria. Você se atreve?

8 - Viajar para outro canto do planeta
Você tem um mapa mundial em casa? Ou o livro Social ou Conhecimento do Meio Ambiente? Diga a seu filho para escolher um lugar que gostaria de visitar, imaginar que existe e que histórias ele poderia viver.

Você pode ler mais artigos semelhantes a O problema com as crianças hoje é que elas não ficam entediadas, na categoria Aprendizagem no local.


Vídeo: Mitos e verdades sobre escoliose - Você Bonita 270319 (Agosto 2022).